We need to scan ourselves

música in motion

I’m on fire, Bruce Springsteen

Brincar com papel celofane azul, vermelho, lilás

Tirar devagarinho o plástico dos cds novos

Rasgar papel de embrulho como se fosse a primeira vez

Comprar lollipops para os amigos

Enrolar os dedos dos pés uns nos outros

Experimentar a balança de manhã, à tarde e à noite

Com e sem roupa, antes e depois de fazer xixi

Teimar nas cuecas encardidas amarelas d’avó

Com aplicador, sem aplicador, de cartão, de plástico

Põe o verniz, tira o verniz

Põe o rímel, chove

Fazer uma coroa de flores para usar sem roupa

Apertar o peito contra nós, com força (para não o deixar descair)

Experimentar anéis que nunca se vão usar

Trocar a pílula de hoje pela de ontem e a de ontem pela de amanhã

Estilhaçar em mil pedacinhos o bibelot em forma de coração-perfeito

E esfregar com força as rugosas mágoas da pele, todos os dias

Até que caiam por terra.

We need to scan ourselves…every day.

3 thoughts on “We need to scan ourselves

  1. Gosto. De cada ritual doce e mimado. De cada gesto paranóico e perturbador. Gosto especialmente da coroa de flores para usar sem roupa. Sobretudo se estiver a chover. Há coisas que têm de ser regadas para florescer🙂

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s